Atualizações

Importação de XML de uma NFe

Agora é possível importar via API o XML de uma NFe emitida por outros sistemas. Esta operação irá armazenar o XML junto com as demais notas e gerar a DANFe para consulta.

Após a importação, é possível executar outras operações como cancelamento ou carta de correção. Configura a documentação aqui.


Emissão síncrona de NFe

Agora é possível configurar sua empresa para emissão síncrona de NFe. Alguns estados no momento não suportam este tipo de emissão (SP, GO e BA). Solicite ao suporte técnico para alterar o método de emissão para sua empresa.

A documentação do envio de NFe foi atualizada para explicar a diferença entre os dois tipos de emissão.


Adicionada alterações da NT 2020/006 em homologação

Foi disponibilizado em homologação as alterações para contemplar a NT 2020/006. Esta alteração é de interesse principalmente de usuários de marketplaces e se você utiliza a forma de pagamento “99 – Outros” que será alterada.

Foram adicionadas também novas formas de pagamento. Saiba mais.


Local de entrega na DANFe

Agora os dados do local de entrega dos produtos irão aparecer na DANFe. O quadro irá aparecer apenas se os dados forem preenchidos. Lembramos que o local de entrega só precisa ser preenchido se ele for diferente do endereço do destinatário.


Download de DANFe e DACTe de NFe e CTe recebidos

Agora é possível fazer o download da DANFe de NFe recebidas e do DACTe de CTe recebidos. A operação é muito parecida com o download do XML, apenas substituindo o sufixo “.xml” por “.pdf”, exemplo:

https://api.focunsfe.com.br/v2/nfe_recebidas/CHAVE_DA_NOTA.pdf

Isso irá redirecionar a requisição para o endereço onde está armazenado o DACTe ou DANFe. Caso sua biblioteca HTTP não conseguir fazer o redirecionamento, você pode capturar a URL deste PDF olhando o cabeçalho “Location” devolvido pela API.

Na nossa documentação você encontra a documentação completa das NFes recebidas e dos CTes recebidos.


Webhook para inutilização de numeração

Nossa API pode optar por inutilizar números caso detecte algum erro de emissão de forma tardia (após 24 horas da tentativa de emissão). Desta forma, criamos a possibilidade da sua aplicação ser notificada caso seja feita qualquer inutilização, seja de NFe ou NFCe, basta criar um gatilho com o evento “inutilizacao”. Consulte a documentação para criar um gatilho aqui.


API para consulta de emails bloqueados

Agora, caso algum cliente seu não receba o nosso email com a nota fiscal, você pode consultar se o endereço se encontra em uma lista de enderecos bloqueados. Esta lista é mantida para evitar que emails com problemas sejam reutilizados, o que aumenta a chance de outros emails enviados pela nossa API sejam considerados como “spam”.

Nesta API você poderá também solicitar a exclusão do bloqueio se aplicável.

Consulte a documentação da nova API aqui.


Gatilhos agora podem ser criados por token

Publicamos uma alteração onde gatilhos (webhooks) podem ser criados sem informar a empresa. Desta forma, o token será acionado para todas as emissões do token utilizado na requisição. Isto poderá ser útil para empresas de software que possuem várias empresas em seu domínio, onde não será mais necessário criar um gatilho para cada empresa, desde que seja usado o mesmo token para todas elas.

Também será possível agora cadastrar mais de um gatilho por evento, isto pode ser usado por exemplo para debugar novos eventos de emissão sem afetar os gatilhos já existentes.

Veja como criar um gatilho na documentação.


Aumento da segurança na recepção dos gatilhos

Agora é possível adicionar uma camada de segurança para garantir que o envio do gatilho (webhook) seja proveniente de nossos servidores. Isto foi feito através da adição de um novo campo “authorization” no cadastro de gatilhos. O valor informado será devolvido no cabeçalho “Authorization” a cada acionamento do gatilho e poderá ser usado para autenticar a requisição recebida, inclusive utilizando um mecanismo como o Basic Auth. Saiba mais na nossa documentação.