PLG: O que é e porque fazer em sua empresa SaaS

You are currently viewing PLG: O que é e porque fazer em sua empresa SaaS

Neste artigo, vamos analisar uma das grandes tendências da área de SaaS nos últimos anos: a estratégia PLG ou Product-Led Growth.

Empresas como Slack, Zoom e Calendly já estão aproveitando os benefícios dessa tática, que potencializa tanto a experiência do usuário como a otimização dos custos da empresa.

Acompanhe o conteúdo para saber o que é a PLG, quais seus principais benefícios e como você pode desfrutar das vantagens dessa estratégia em sua empresa.

O que é PLG?

A tradução para português que melhor descreve o conceito de Product-Led Growth é “crescimento orientado para o produto”.

Assim, podemos entender a PLG como uma estratégia de lançamento que centraliza o produto  como a principal ferramenta para crescimento da empresa.

Mas como isso funciona? Fica mais fácil entender a PLG quando a comparamos com a sua estratégia oposta: a sales-led growth ou crescimento orientado para vendas. 

PLG X SLG

Enquanto a SLG foca em comunicação (vendas e marketing) e suporte (pós-venda e customer success) para adquirir, reter e manter clientes, a PLG usa o próprio produto como o elemento que convence o cliente a adquiri-lo.

Isso é observado nas principais ações de product-led growth, que permitem ao usuário ter acesso ao produto antes mesmo da compra. Alguns exemplos disso são o teste grátis ou uma versão freemium de um sistema, no caso das empresas Saas.

Ao abrir a possibilidade de experimentar o produto antes de adquiri-lo, as empresas dão o poder ao cliente de “se servir”, digamos assim. Isso é bastante positivo, já que o consumidor atual tem essa necessidade de se sentir livre para explorar antes de comprar.

Principais benefícios da PLG para uma empresa SaaS

A própria ideia do modelo de negócios de software as a service está intimamente ligada ao crescimento orientado ao produto. 

Isso porque as empresas de SaaS oferecem o sistema e junto com ele o suporte necessário para manter a melhor experiência possível para o cliente.

O uso de versões freemium já é bem comum nessa área e também existe a tendência de se firmarem contratos por períodos mais longos, que contribuem para garantir a experiência e adaptação ao produto.

Vejamos algumas das principais vantagens da PLG.

Reduzir o custo de aquisição do cliente (CAC)

O custo de aquisição do cliente verifica se os investimentos em marketing e venda estão efetivamente gerando retorno financeiro.

Com a estratégia PLG, é possível direcionar melhor os recursos de comunicação para trazer os clientes a experimentarem o produto, provando se tem o valor que esperam. Essa ação contribui para diminuir a resistência ao preço, aumentando as vendas. 

Oferecer mais liberdade ao usuário final

Como falamos a pouco, esse é um elemento essencial dessa estratégia: focar no contato do cliente com o produto e fazer os ajustes necessários para adaptar às suas necessidades específicas. 

Isso faz diferença, ampliando a possibilidade de que esse usuário permaneça com a plataforma por mais tempo.

Acelerar o crescimento em escala

Por fortalecer a relação com o cliente por meio da experiência com o produto, a estratégia PLG contribui para que a indicação para outros potenciais usuários seja maior. Isso também acelera o crescimento, não só em números mas em qualidade.

Aprimorar o produto oferecido

Evidentemente, focar no produto fará com que suas funcionalidades e ações passem por frequentes melhorias.

Os constantes feedbacks e os ajustes vão permitir que o sistema fique melhor não só para os usuários que os solicitam, mas para todos que utilizam.

Então devo mudar toda minha estratégia para focar em PLG?

Vamos com calma! 

A ideia aqui é te ajudar a compreender a PLG como uma forma de potencializar o seu time de vendas e de customer success.

Entenda que essas estratégias são complementares e devem estar cada vez mais alinhadas para que possam contribuir para o efetivo crescimento da sua empresa.

Leia mais sobre SaaS aqui em nosso blog.

Deixe uma resposta